4 de ago de 2009

Se as pessoas enxergassem as verdadeiras prioridades de se estar vivo. Um paraíso surgiria!

Um dia do céu há de escorrer
Nosso desejo
Libertos da tempestade iminente
Livres pra ser do jeito que se sente 
Ser
E longe dos joguinhos de sobreviver
Assim simples pra ver 
Escorrendo entre brisas e penas
Não haverá queda
Apenas um impulso
Do chão ao céus
Livres
Soltando teus raios nos meus
O Êxodo 
De nós ao todo
Do todo em nós
Juntos separados

UM

Nenhum comentário:

Postar um comentário