15 de jun de 2009

A Animação "Persépoles"



Realização: Marjane Satrapi e Vincent Paronnaud França, 2007

Imagine todas as confusões mentais, o caos dos questionamentos dolorosos do crescer, imaginem ser uma menina criativa, curiosa, talentosa, revolucionária, num ambiente hostil e repressor. 15 anos da vida, em uma animação de edição, trilha e “sacadas” sensitivas e maravilhosas de Marjane Satrapi. Desenhista, escritora e progressista Iraniana, que viveu de perto quando criança, a queda e revolução do XÁ, e a instalação de um regime fundamentalista, e de quebra a guerra Iraquiana. 
Saindo jovem de Teerã, para estudar em Viena (onde passa por um choque cultural frequentando de clubes punk, a hippies) sem o véu obrigatório em seu país e virando uma mulher independente, porém solitária.
Sua busca por identidade em meio à tirania, preconceito, machismo e cegueira religiosa é linda, forte, instigante e minimalista. 

Pausei várias vezes o “desenho”pra fumar um cigarro e pensar em revoluções internas. Mais uma estranha no ninho, inadaptável, independente do país que esteja.
A linguagem é irônica e causou-me sorrisos e lacrimejos, visto que é fácil identificar-se e apaixonar-se por “alguém” que sonha em ser profetisa quando crescer, e que em sua lei escrita aos 8 anos é proibido para todos o sofrer, leis que brincava de escrever,época que comprava (ilegalmente) discos do Beegees, Elvis, Abba e Iron Maiden,tudo isso entre discussões diretas com “Deus”,hilário.
O surrealismo e os traços são de tirar o fôlego. Se você assim como eu compartilhar de olhos apocalípticos e sutis, é claro.

Ser íntegro e verdadeiro: Moral da história que é baseada e produzida pela própria Marjane Satrapi (sou fã inclusive dos quadrinhos)

"Como evitar que um povo seja confundido com os seus líderes? Como combater um poder que usa uma versão de deus como arma para subverter e submeter a sua população? Como se pode amar profundamente um país e admitir, ao mesmo tempo, a impossibilidade viver nele?" (Marjane)

.
Saudadinhas de escrever sobre o que vejo*

Um comentário:

  1. O vídeo que vi no seu fotolog é genial.
    =(
    Fiquei refletindo sobre mil coisas.
    =*

    ResponderExcluir